Thursday, August 30, 2007

Vieste






Sempre falei com nosso filho em pensamento, como se ele pudesse ouvir minha alma. E nessas conversas eu sempre falo que quero que ele seja feliz. Penso na irresponsabilidade de se colocar alguém nesse mundo. E me culpo. Tenho tantos medos mas a felicidade tem me tomado conta, tô invadida de emoção. Ver o nosso baby naquela telinha, o coração batendo. Um coração forte, rápido, imperativo. Ai. É um amor e uma vontade ingênua de proteger. E egoísta de, na verdade, querer que ele ficasse onde está pra sempre. Perto de mim. Dentro de mim. Misturado com isso tem a vontade de conhecer, poder participar da vida dele, rir com as alegrias dele, chorar os machucados que ele certamente terá e que nem eu, nem ninguém vai poder impedir.

Filho, um dia, você vai ler isso, e tomara que entenda todo o amor que já sentimos e que vamos sentir por você... hoje, pra sempre.


E se hoje pudesse ter escrito uma música que traduzisse tudo que estou sentindo, seria essa. Pra você, filho:


Vieste

Vítor Martins

Vieste na hora exata
Com ares de festa
E luas de prata
Vieste com encantos
Vieste com beijos silvestres
Colhidos pra mim
Vieste como a natureza
Com mãos camponesas
Plantadas em mim
Vieste com a cara e a coragem
Com malas, viagens pra dentro de mim
Meu amor
Vieste a hora e a tempo
Soltando meus barcos
E velas ao vento
Vieste me dando o alento
Me olhando por dentro
Velando por mim
Vieste de olhos fechados
Num dia marcado
Sagrado pra mim
Vieste com a cara e a coragem
Com malas, viagens
Pra dentro de mim
Meu amor...

11 comments:

Camila said...

Diz a lenda que o Vítor rabiscou essa letra - aliás, querida amiga cafajeste que adora pegar no pé dos outros quando eles não citam as fontes apropriadas, a letra é do Vítor Martins, viu? ;-) - quando viu a Valéria subir o altar (em direção ao Ivan, por supuesto). Até então, a música não tinha letra, e sei que pelo menos a primeira frase melódica costumava ser cantada com "oilua" (atualmente nome de um selo do Ivan, se não me engano): oilua, oilua, oilua...

Enfim, contei essa historinha que nem sei se é inteiramente verdadeira para dizer o seguinte: a história de vocês é muito melhor! Muito mais original ouvir "Vieste" como canção de amor paterna e materna do que como canção de amor romântico! Adorei que esta será a canção-tema do Marco!! Ou há outras concorrentes??

Valeu pelas fotos - embora, naturalmente, se você me dissesse que está grávida de quíntuplos eu acreditaria sem a menor hesitação. Gostei mesmo foi de ver o seu nominho no canto superior esquerdo!

cintia said...

Eu pensei que pudesse mesmo estar cometendo algum erro mas procurei saber viu Cá? Pelo que vi, na falhíssima Internet, a letra seria mesmo do Ivan Lins. Enfim, fui corrigir rapidinho.
Sobre as fotos, pelo menos os pezinhos na quarta foto vc conseguiu identificar?
Beijo grande
Cintia, Mauro e Marco

Marcelo said...
This comment has been removed by the author.
Marcelo said...
This comment has been removed by the author.
Marcelo said...

CINTINHA!!! Parabéns!!!
Parabéns pra vocês!!!
Muita felicidade!!! MUITA!!!
Que emocionante ver essas imagens!!!
Todas as felicidades do mundo pra vocês TRÊS!!!

OUTRA COISA: PRESTA ATENÇÃO!!!
Eu AINDA NÃO TENHO o seu endereço...
Não tenho como mandar a cópia do DVD! Me manda um e-mail com o endereço direitinho.

Beijão!

Marcelo

Gisleine said...

A Pri chorou ontem, eu chorei, nem preciso esperar a mãe ler para dizer que ela irá chorar... tudo é muito emocionante. Que bonito que tudo isso está acontecendo, muito feliz! A única tristeza é o sentimento egoísta de não estar presenciando isso tudo. Me acalenta estar viva para poder acompanhar e vivenciar esse momento. Beijos com muito amor, Fia

Maria Teresa said...

NÃo preciso dizer que vi e a emocao
tomou conta de mim,vi e li muitas vezes e todas elas eu chorei.Fico feliz em saber o que voce esta sentindo pois passei por essa emocao tres vezes,e valeu a pena.Acho que ja podemos chama-lo de Marco nao e filha, e realmente parece muito com o Mauro nos pes.Quanto a musica eu juraria que era do Ivan Lins alias ele canta como ninguem essas musicas que falam de amor,e essa como disse a Camila ornou muito com voces.Vai ser a cancao de ninar ne filha.Acho que vou ter que apreender a cancao.Se cuida direitinho em filha e nao esqueca que o nenen tem tempo de engordar aqui fora.Beijoooooooooooooooos .Mãe

Elisângela said...

Meu amor tenho ÓTIMAS NOTICIAS, ele pode ouvir sua alma e sua voz..rsrs
Não tenha medo, porque como vc mesmo diz, somos responsaveis até a pagina 10 e essas tenho certeza que vc será PERFEITA.
Agora me diga, esse é o verdadeiro momento que acreditamos estar mesmo com um SER Vivo dentro de nós, é louco né???
Bom sobre essas emoções falei no comentario anterior, afinal li do fim p começo, rsrsrsr (coisas de Elisângela).
Agora, vamos combinar que vc pois p foder com essa musica, heimmm vai tomar no meio do SEU CÚ, sua VACA ,FILHA DA PUTA não aguento mais de tanto chorarrrrr.
Beijossssssssssssssssssssssssssssssss

Nícolas said...

Se eu não fosse MPC (macho pá carái), eu teria chorado com esse post, rs...
Cintia, PARABÉNS!!!

cintia said...

As mensagens da minha família não são singelas? Uma me manda tomar no cu, o outro diz ser 'MPC'... quer dizer, um luxo, né? Adorei todas as mensagens, delícia saber que vocês, mesmo longe, estão curtindo com a gente a vinda do Marco. Acho que já dá sim pra chamá-lo de Marco mãe... Muitos beijos pra todos...

mauro said...

clarificando: praticamente todas as LETRAS das músicas de Ivan Lins foram escritas por Vitor Martins. Ivan compoe a parte musical, melodia e harmonia - Vitor põe letra nisso tudo. Os músicos que conheço aqui que gostam de Ivan Lins dizem que é incrível as musicas dele serem compostas por duas pessoas diferentes, tamanha a "harmonia" de letra e música. Infelizmente no Brasil não se conhece (lê-se ninguém se importa) quem escreve as letras, só se sabe quem canta as músicas. O max de castro, que nunca foi cantor, resolveu cantar no primeiro disco dele por isso - queria fazer um nome, e disse que como "compositor, produtor, etc" ele nunca faria nome algum. Funcionou, e agora ele canta em todos os discos. Enfim, fora "sullivan e masadas" (que fizeram tanta música que nao deu pra passar despercebido), ninguem sabe quem escreveu "aquela música da daniela mercury", ou as músicas do pedro mariano, ou de todos os interpretes - a menos que seja um remake de uma música já conhecida, onde a primeira versao foi gravada pelo compositor (tom jobim, djavan, chico buarque, etc). Resumindo: a música É do Ivan Lins, com letra de Vitor Martins.